segunda-feira, janeiro 30, 2006

Recado


Rua da Senra, 27 de Janeiro de 2006
«Mesmo na noite mais triste
Em tempo de servidão
Há sempre alguém que resiste
Há sempre alguém que diz não»,
Manuel Alegre
Dupont