quinta-feira, fevereiro 23, 2006

Um seu criado

O Presidente da República, Jorge Sampaio está prestes a terminar um longo mandato de 10 anos no exercício do cargo.
Ao observar a sua acção ao longo de todo este tempo, ficaram-me na memória alguns aspectos positivos e outros negativos do seu magistério.
Os aspectos positivos são em reduzido número. Lembro-me de dois:
1 - Dispensou um acompanhamento e apoio importantes na resolução da questão timorense e na libertação do território. Na linha do que havia feito Mário Soares, Sampaio continuou a falar de Timor em todos os fóruns internacionais e esteve bem no forcing internacional que culminou com a independência em 2002.
2 - Foi o único Presidente da democracia que exerceu os seus mandatos sem grandes polémicas nem interferências directas e indesejáveis na governação. Ou seja, nem criou grandes dificuldades aos governos (como fez Soares) nem tentou formar um novo partido (como fez Eanes).
Foi apenas ...cinzento.
Haddock